Behavioral Product Manager x Product Manager tradicional

Construindo produtos que levam em conta o comportamento humano

Os mercados de tecnologia andam cada vez mais competitivos. Temos inúmeras soluções para resolver um mesmo problema.

Em alguns casos, escolher se torna o problema dos clientes, e engajá-los e retê-los se tornam os desafios das empresas. Esse foi um dos motivos que me levaram a estudar comportamento, tomada de decisão e psicologia aplicada.

Com tanto produto bom e com precificação competitiva no mercado, acredito de verdade que tecnologia (facilmente copiável) não diferencia nem gera valor por si só. Entender o que se passa na cabeça das pessoas e construir em cima disso, sim.

Mas como exatamente seria construir levando em conta o que se passa na cabeça das pessoas? Um caminho possível é trazendo a figura do Behavioral Product Manager, como uma evolução do Product Manager tradicional.

Leia mais »
Home office durante a madrugada

Um registro improvável de uma madrugada produtiva

São 4h18 enquanto escrevo este primeiro parágrafo. Está escuro e silencioso. Em dias normais, meu despertador tocaria daqui a pouco. Fui dormir cedo mas perdi o sono por volta das 2h. Depois de relutar um pouco, achei melhor direcionar toda a minha energia desperta pra fazer algo útil.

Isso geralmente não acontece comigo. Sou uma pessoa da manhã, prefiro acordar cedo (não que seja fácil; e definitivamente não aos fins de semana). Gosto de sentir o ar puro do dia, tomar meu café, fazer a manhã render. Mas hoje aconteceu de perder o sono, justo após uma semana cansativa, dormindo menos horas que o normal. Paciência. Parece que às vezes quanto mais cansados estamos, mais difícil fica descansar, não é?

Depois de ler e estudar um pouco, fiquei com vontade de escrever. Faço aqui então um registro dessa minha madrugada improvável. Espero, depois de publicar, dar de cara com meu sono que estava perdido por aí.

Leia mais »